Actions

Work Header

O prazer de voltar

Chapter Text

Scorpions H. Malfoy
Idade: 10 anos
Cabelo: platinado e bagunçado
Olho : verde
Altura: 1,33

Draco L. Malfoy
Idade:25 anos
Cabelo: platinado e liso
Olho : azul acidentado
Altura : 1,63

Harry S. Potter
Idade: 25 anos
Cabelo : castanho escuro e bagunçado
Olho: verde
Altura : 1,94

Remus J. Lupin
Idade: 46
Cabelo : castanho quase loiro e um pouco bagunçado
Olho: âmbar com variação para verde dependendo da luz
Altura : 1,70

Sirius O. Black
Idade:48
Cabelo : preto ondulado
Olho: azul acidentado
Altura :1,95

James C. Potter
Idade:48
Cabelo : castanho e bagunçado
Olho: verde
Altura : 1,96

Severo T. Snape
Idade:46
Cabelo : preto e liso
Olho: preto
Altura : 1,64

Chapter Text

Harry após 10 anos mostrando em outra cidade com seus pais, para concluir seus estudos, consegue uma vaga para lecionar na sua cidade natal na escola em que seu pai dava aulas de Química. Assim podendo ficar mais próximo de seus padrinhos, Remus J. Lupin-Black e Sirius O. Black .

Assim que ele e seu pai chegam no aeroporto são recebidos por dois homens e uma criança de 9/10 anos .

____ Padrinho que saudade! - diz Harry à Sirius enquanto o abraça.

____ Harry para de drama tá parecendo o seu pai , vocês se falaram ontem - fala Severo rabugento - e larga meu filho seu pulguento .

____ Eu só peguei pulga uma vez na faculdade por que eu fui ajudar o Moony na feira de adoção, cabelo de sebo - fala Sirius dramaticamente. 

____ Sirius pare de agir com criança e oi Harry querido - diz Remus carinhosamente enquanto afagava o cabelo bagunçado da criança do seu lado que assustadoramente se parecia comigo mas ele me lembrava outra pessoa na qual não me recordava - fale oi querido .

____ Oi - fala ele timidamente. 

____ Oi pequenino - fala meu pai fazendo carinho no seu cabelo  - qual o seu nome? 

Chapter Text

____ Meu nome é Scorpions, Scorpions Malfoy - fala orgulhoso 

____ Você disse Malfoy? - meu pai pergunta - você não se parece nada com Lucius. 

____ O senhor conhece meu avô? - pera avô? então ele é filho do Draco? 

____ Claro que sim ele é um grande amigo meu e eu sou padrinho do Draco - fala meu pai ainda um pouco confuso. 

____ Então você é padrinho do meu pai ?- fala Scorpions inprecionado .

____ Como assim você é filho do Draco ele tem apenas 25 anos e você tem provavelmente 10 ?!?  O que  raios aconteceu nesses 10 anos que estivemos fora ? 

____ Pai por favor vai assustar a criança! - falo divertido - mas então scorp onde está seu pai ?

____ Ele está de plantão no hospital então pediu para o tio pads para eu ficar com eles ate ele sair do trabalho .

_____ Humm, bom eu não sei vocês mas eu não quero ficar morando no aeroporto. - falo lembrando a todos que ainda estávamos no meio do aeroporto .

_____ Bom vocês vão lá pra casa né? - perguntou Remus

_____ Não, obrigado Remus  mas eu já pedi para James arrumar nossa antiga casa para já chegarmos e não ter que lidar com tantas caixas de mudança - diz meu pai .

____ Nem pensar, vocês vão lá pra casa almoçar conosco e aproveitamos e chamamos o pongs ! 

Já em largo Grimmauld, n° 12 a casa que Sirius herdou dos Black , meu pai vai para a cozinha com Remus enquanto eu, Sirius e scorp ficamos na sala jogando conversa fora .

Durante o almoço Remus passa mal então Sirius enciste em levá-lo para o hospital alegando que não é a primeira vez que  ele passa mal na semana, então eu e meu pai ficamos cuidando de scorp que depois de um tempo dorme no meu colo, não sei porque mas sinto uma sensação boa quando fico perto do Scorpions como se  eu deve-se protejelo de todo mal e ainda tem o fato de que ele se parece bastante comigo mas deve  ser porque ele provávelme é filho de Pansy Parkson que  sempre teve olhos verdes e cabelo escuro . Quando eles voltaram só faltava Sirius subir pelas paredes de tanta felicidade .

_____ Eu vou ser pai porra ! O Moony tá grávido! 

_____ Linguagem - fala Remus que estava do lado dele .

_____ O que ?!?- falamos  eu e meu pai espantados enquanto Scorpions se mexia no meu colo . Nos não esperávamos que Remus poderia engravidar já que faz algum tempo desde que ele é Sirius se casaram e ele nunca deu sinal de que engravidaria .

____ Pera aí, o que eu perdi ? - Logo após ouvir a voz do meu pai eu me levanto com cuidado para não acordar o scorp que não desgruda de mim nem eu tenho a intenção de souta-lo e vou de encontro ao meu pai que fazia uma semana que eu não o via pois ele veio antes para arrumar a casa . ____ Oi filho - fala bagunçado meu cabelo quando me vê - oi querido - fala dando um selinho no topo da cabeça do meu pai que estava sentado no sofá - o que está acontecendo aqui ? _____ Esse animal do seu amigo que chegou gritando parecendo um retardado, e quase que ele acorda do sporp e você sabe como é acordar uma criança Malfoy - fala Severus fazendo referência às vezes que Draco ia dormir na casa deles . _____ Para de ser estraga prazeres seu morcego rabugento, até parece que James não fez a mesma coisa quando descobriu que você estava grávido do Harry - fala Sirius se sentando ao lado de Remus e eu me sento ao lado dos meus pais com scorp no meu colo .

Chapter Text

Cap 4
Depois de Sirius se acalmar eles explicam tudo direito então depois de um chá com muitas conversas sendo postas em dia fomos para casa e quando eu tenho que me separar do scorp eu sinto uma dor como se eu o estivesse abandonando pela segunda vez algo que é ridículo já que é a primeira vez que o vejo . Então quando chegamos eu vou para o meu antigo quarto que é onde eu vou ficar até que eu arrume uma cassa para mim já que eu já tenho 25 anos e um trabalho não da para ficar morando na casa dos meus pais .

UMA SEMANA DEPOIS 

Eu acordo com o despertador fazendo escândalo e meu pai (Severus) ralhando com meu pai (James) que provavelmente foi fazer café da manhã e como meu pai fala " fez uma bomba atômica que destruiu minha cosinha" . Me levanto e tomo um banho e escovo os dentes, pois hoje será o meu primeiro dia lecionando em hogwarts, desço as escadas e me deparo com uma sena maravilhosa de meu pai tentando tirar uma gosma do teto enquanto meu pai ralha com ele por "inventar moda " .

____  Bom dia família - digo entre risos .

____ Bom dia querido - fala meus pais juntos .

 ____ O que ouve  ? - pergunto apontando para  o teto .

____ Ah isso, foi seu pai tentando fazer panquecas. - fala meu pai com desdém .

____ Hum...- falo tomando uma caneca de café  .

____ Harry você poderia dar uma carona para o scorp?  Pelo que parece ouve uma emergência no hospital então Draco teve deixar ele com Sirius mas ele vai acompanhar o Remus numa consulta hoje de manhã então só sobrou você. 

____ Claro, eu aproveito e dou um oi para os padrinhos - falo terminando meu café - tchau pai, pai - me despedi e enquanto saía pude ver a massa da panqueca cair toda na cabeça do meu pai( James ) .

____ Tchau filho - os dou gritaram .

Fui para o meu carro um jeep cinza entao coloco R.U Mine - Arctic Monkeys  para tocar e me dirijo para a casa dos meus padrinhos e vejo que Scop já estava do lado de fora me esperando, então estaciono do lado dele. 

____ Oi Harry - fala entrando no carro .

Chapter Text

____ Oi scorp, vamos ?- falo dando partida quando ele termina de colocar o cinto de segurança 

____ Vamos !! - a música acaba e começa a tocar Animal _ Miike Snow - nossa eu nuca ia adivinhar que você ouvia esse tipo de música Harry, eu também gosto de rock e indie  - fala scorp um pouco inprecionado. 

____ Jura ? Que legal, seu pai nunca gostou muito de rock mas quando éramos mais novos costumávamos fazer uma dupla para tocar nos finais de semana que passamos com nossos amigos - falo lembrando de quando eu ainda morava na cidade - se você quiser posso te indicar algumas músicas legais criança - falo afagando seu cabelo .

____ Ei ! Eu não sou criança - fala enchendo as bochechas como Draco fazia quando era contrariado - eu sou um pre-adolecente . 

____ Ok Sr "pré-adolescente" - falei rindo da cara dele .

____ Ok então Sr hipster - fala empinando o nariz com um verdadeiro Malfoy mas tem algo no brilho dos  seus olhos verdes que me parece familiar como olhar para um espelho .

____ Eu não sou hipster, não é por que  eu uso roupas alternativas, tenho barba, uso óculos redondos, ouço música indie e rock e tenho um jeep que isso signifique que eu sou hipster - falo argumentando 

_____ Harry você acabou de descrever um hipster kkkk - fala rindo .

Continuamos nossa "discussão" sobre hipstes e crianças  até chegarmos na escola onde ele vai conversar com seus amigos enquanto eu vou resolver uns últimos detalhes na  secretaria. 

____Oi eu sou o novo professor de história, Potter, Harry Snape Potter. - falo me apresentando 

____ Oi ... pera ! Harry quanto tempo, lembra de mim ? - pergunta a secretaria. 

____ Na verdade não... - falo coçando a  nuca .

____ Sou eu Cho! 

____ Cho? Cho Chang?  A menina que namorava o Diggory ? Merlin como você mudou! - falo com uma falsa animação. 

____ Eu mudei? Você nem parece aquele garoto magricela de uns anos atrás - falou tentando jogar charme pra cima de mim - se você quiser podemos sair mais tarde pra eu te contar as novidades ou sei lá - fala quase se jogando encima de mim. 

_____ Não obrigado - pego minhas coisas e vou para a primeira aula do dia .

Chapter Text

As aulas ocorreram normalmente com apresentações e relembrando alguns assuntos dos anos passados só para situalos no assunto. A minha última aula seria na classe do scorp e estava muito ansioso para saber se ele seria tão perpicais quanto seu pai, se bem que Draco nem Pansy que imagino ser sua mãe eram boas em história tanto que ja perdi a conta de quantas fezes fui na casa do Draco pra ajudá-lo em matérias de humanas enquanto ele me ajudava em matérias de exatas ( com exceção de Química) . Quando cheguei na sala ele estava em uma mesa ao lado da minha rabiscando algo numa folha e isso me lembrou muito da época em que eu ainda estudava e as vezes fazia um rascunho de alguma coisa aleatória em uma folha qualquer do caderno .

___ Bom dia turma - falo fazendo todos se calarem e voltar a seus lugares - todos vocês são novos aqui eu imagino, mas não se assustem eu também sou, meu nome é Harry Snape Potter e eu já estudei aqui quando tinha a idade de vocês, na época meu pai Severo Snape dava aula de Química nessa escola, mas podem ficar calmos eu felizmente não puxei o humor dele, se tem uma coisa que não muda em nenhum Potter é com certeza o cabelo, os olhos mas acima de tudo é a alma - falo hulmorado - então espero que nós nos demos bem e vamos para a chamada !

Faço a chamada normalmente reconhecendo alguns sobrenomes no caminho até Chegar ao "s" onde estranho pois o nome do scorp é somente "Scopions H. Malfoy" e conhecendo os Malfoy como eu conheço o "h" não é um sobrenome abreviado. Continuamos a aula normalmente e me surpreendo pois scorp é muito bom em história bem o oposto do seu pai, na hora da saída eu espero por scorp pois não sei se Draco já saiu do plantão para buscá-lo. Então enquanto estávamos perto do meu carro eu comecei a procuralo já que des dos 13 anos eu sou mais alto que a maioria das pessoas da minha idade, então eu o vejo ali com os cabelos claros baguncados e com a pele quase translúcida no sol com manchas escuras embaixo dos olhos .

Draco pov

Quando eu vi ele ali do lado do meu filho eu gelei criando paranoias na minha cabeça então eu lembrei daquela noite de despedida dele 

Flashback: 
Ele estava lá com aqueles olhos verdes que brilhavam tanto que parecia iluminar o salão, Harry estava encostado na bancada da cozinha conversando com seus amigos que como ele já estavam um pouco altos pela bebida não que eu estivesse muito diferente já que Pansy me arrastou para umas dessas brincadeiras que envolvem beber uma bebida como pagamento, eu estava tão distraído que nem o percebi vindo na minha direção. 

 

____ hey dray - falou rodeando minha cintura com seus braços e colocando a cabeça no meu ombro já que des dos 13 anos ele é mais alto que eu .
____ aí me solta seu grudento - falo enquanto ele gargalha e me aperta mais ainda .
___ você tá muito bravo para um dragão tãoooo pequeno - fala ele com a voz arrastada .
____ e você está bêbado, deixa só o padrinho ficar sabendo .
____ é minha última noite na cidade dray relaxa um pouco - fala ele me girando e dando um beijo na minha testa e sai para pegar umas bebidas para nos 

Dou risada por seu comportamento infantil e vou para o sofá onde já tinha alguns pobres coitados caídos e me sento assistindo Pansy e Hermione dançando alguma coreografia aleatória do just dance . Eu já estava lá um tempo sinto uma barba recém nascida roçando no meu pescoço e quando me viro para ver quem era mesmo já sabendo de quem aquele cheiro amadeirado vinha .

____ Hi my little Dragon - fala ele como se nada tivesse acontecido

Chapter Text

___ sai Harry - falo empurrado seu rosto de brincadeira .
____ nossa assim você me magoa Dray- fala fazendo um falso beicinho - agora só falta dizer que não me ama .
____ Mas eu não amo - falo rindo da cara indiguinada que ele faz- que foi você que perguntou !?
____ Então é assim agora né? - então ele me acerta com uma almofada e logo eu revido.
_____ Você fica muito chato quando está bêbado.
_____ Mas você ama issooooo - fala com a voz arrastada.
______ vai se fuder Potter - falo jogando outra almofada nele .
e assim começamos uma guerra de almofadas e definitivamente tudo que não poderia ferir que estava ao nosso alcance . Estávamos tão entretidos na nossa brincadeira que nem reparamos que tínhamos subido para o segundo andar e já estávamos no quarto dele , enfim eu peguei um travesseiro da sua cama e subi em seu colo o derrubando no chão, estava preste a dar o golpe fatal quando aconteceu, foi como se o universo estivesse parado e só restava nos dois ali, eu sentado no seu colo olhando para aqueles maravilhosos olhos verdes enquanto ele estava ali com suas mãos apoiadas nas minhas coxas, então nós nos beijamos tão intensamente como se presisasemos disso para viver e de um modo sim realmente precisávamos disso para viver os momentos que se seguiram foi uma confusão de mãos, bocas, prazer e uma paixão que incendiava o quarto como labaredas flamejantes, foi tão errado mas ao mesmo tempo tão certo, irresistível e quente que eles não puderam parar e essa noite pra sempre ficaria presa na memória dos dois mesmo que foçe por uma vaga lembrança.

Chapter Text

Pov Harry
Ele parecia tão abalado e diferente do Draco das minhas lembranças com aquelas olheiras e ele parecia magro e cansado não me surpreenderia se foçe pelos plantões no hospital, Draco sempre gostou de ser o melhor no q fazia, mas tinha algo ali era um brilho de quem trazia memórias que marcam. Não pensei muito nisso afinal ele é médico ele já teve ter perdido alguns pacientes, mas mesmo assim aquele sentimento de querer proteger não saía de mim, eu confesso que fiquei muito preocupado quando ele parou de falar comigo, sendo que nós sempre fomos muito ligados, mas acho q foi na época que ele entrou no romance com a mãe do scorp e acabou deixando de lado nossa amizade e depois veio o emprego e outras responsabilidades não o culpo afinal foram dez fucking anos não duas semanas muitas coisas mudaram nesse tempo .
Estava tão entretido nos meus pensamentos que nem percebi que Draco se aproximava como um animal arisco, só fui despertar dos meus pensamentos quando ele já estava na minha frente e Scorpions pulou para o abraçar enquanto Draco o pegava no colo .
____ Oi pai, você conhece o Harry? - falou encarando o pai .
_____ Esse cara de cicatriz ?- fala fazendo referência ao meu apelido de infância - é claro fomos criados praticamente na mesma casa, éramos melhores amigos na sua idade !
_____ Eram ? Mas o que aconteceu ?- fala scorp com uma carinha fofa que ficava entre triste e confuso, me lembrando de Draco naquela idade.
_____ Eu fui embora para outra cidade e acabamos perdendo o contato - falo bagunçado o cabelo do scorp que ja estava no chão de novo .
____ Nossa que triste .
____ É ... várias coisas aconteceram depois que você foi embora - fala Draco um pouco triste .
____ Por exemplo o scorp né "mine dragon" - falo com um ar de implicância e vejo um brilho de medo anos olhos de Draco e me pergunto o motivo - eu juro que achava que a Pansy era lésbica, mas o scorp tá aqui para provar o contrário não é mesmo ?
_____ O que eu tenho a ver com a tia pans?- pergunta scorp confuso .
_____ Oras ela é sua mãe, não? - falo também confuso - Draco ele sabe ?
_____ É claro que ele sabe testa rachada, e por que raios você achou que a Pansy era a mãe dele?
_____ Oras o cabelo bagunçado e os olhos verdes meio que entregam já que eu e ela eram os únicos com essas características no grupo mas já que você diz que ela não é a mãe dele, quem é?
_____ Mas Harry eu não tenho mãe, foi o papai que ficou grávido.